Nubank oferecerá uma conta bancária totalmente online. Confira.

Na data de 24 de outubro (terça-feira), a empresa Nubank realizou um evento chamado Nubank Livre, em São Paulo, para apresentar ao seu público os seus planos e as suas estratégias para o futuro.

Dentre as novidades anunciadas no evento, está a NuConta, que será a conta bancária oferecida pelo Nubank aos seus usuários.

Confira mais detalhes a respeito dessa novidade a seguir.

Serviços Bancários

A proposta da empresa é oferecer aos clientes de conta corrente a mesma praticidade e rapidez na prestação dos serviços de cartão de crédito que já são fornecidos aos usuários.

Normalmente, a maioria dos bancos exigem muitos requisitos para abrirem conta corrente. Por esses e outros motivos, ainda há milhões de brasileiros que não possuem conta em banco. A ideia dos executivos é ofertar a toda a população do Brasil a chance de abrir uma conta em banco.

Quem tem o cartão de crédito do Nubank poderá efetuar o pagamento da fatura através da NuConta. Para essa situação, a quitação será imediata, liberando o limite para o usuário do cartão.

Outro serviço disponível na NuConta será a possibilidade de realizar transferências, tanto entre clientes NuConta, quanto para outros bancos. No primeiro caso, as transações podem ocorrer pelo QR Code, em tempo real e sem tarifa. Já no caso de transferências entre bancos distintos, não serão imediatas.

Nesse primeiro momento, ainda não será possível efetuar saques ou pagamentos no débito. Diferentemente dos bancos tradicionais, a NuConta é 100% digital e suas operações são realizadas de modo on-line.

Como vai funcionar?

Quem já é cliente do Nubank pelo cartão de crédito, pode abrir a conta de modo muito fácil no aplicativo.

Aqueles que não possuem o cartão devem baixar o app e realizar o cadastro. Para abertura da conta corrente não há análise de crédito. A conta será aberta automaticamente.

Tanto para a utilização do cartão quanto para a abertura da conta bancária não haverá cobrança de tarifas.

Em segundos você terá sua NuConta. Será necessário apenas fazer o download do aplicativo, efetuar seu cadastro, enviar uma foto e começar a usar. Não precisará comprovar crédito.

O dinheiro colocado na NuConta, vai gerar renda de modo automático, sem que o cliente selecione o tipo de aplicação. O objetivo é tornar o acesso a investimentos de modo mais fácil e prático. Segundo o Chief Executive Officer (CEO) e fundador da Nubank, David Velez, muitos não têm domínio do conhecimento para realizar investimentos. Assim, por diversas vezes, o saber investir é monopolizado por poucas pessoas.

Nesse sentido, as contas correntes são inovadoras, uma vez que também funcionam como poupanças, todavia, a taxa de correção utilizada é maior. Atualmente, a taxa anual da poupança no Brasil é de 7,28%, enquanto a da NuConta é de 9,46%, que é a do Sistema Especial de Liquidação e de Custódia (SELIC).

Essa proposta do Nubank é muito inovadora e visa solucionar as três grandes dificuldades dos clientes de banco: 1) Complexidade para realizar investimentos; 2) Cobrança de tarifas ao realizar transferências de montantes e 3) Burocracia para abertura de contas bancárias.

Desse modo, a NuConta se mostra como uma solução para essas três problemáticas, segundo Velez.

Oferecimento aos Usuários

A previsão de disponibilizar esse serviço de conta corrente é para o primeiro trimestre de 2018. Mas você já pode acessar o endereço eletrônico www.nubank.com.br/nuconta, preencher o formulário com seu nome completo, CPF e e-mail para se cadastrar na lista de espera.

Somente alguns usuários terão acesso a uma fase beta, que servirá como teste para os clientes do Nubank e será acessível apenas por convite. Na lista, terá prioridade quem já é cliente da empresa no serviço de cartão de crédito.

Por Melisse V.

Nubank


Confira aqui o que muda para os correntistas do HSBC com a mudança para Bradesco.

Nos últimos anos, os consumidores tem sido surpreendidos com frequentes notícias a respeito do término de algumas instituições bancárias que estão sendo compradas por outras de maior porte ou até mesmo por meio de fusão, sendo que a mais nova instituição que passará por este processo de transição será o conhecido HSBC. Essa mudança ocorrerá depois que ocorreu a aprovação da compra do HSBC pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), ocorrida no mês de junho, transação esta que foi efetivada pelo valor US$ 5,2 bilhões.

Na realidade essa modificação já começará a mudar os hábitos dos correntistas do HSBC nessa próxima quarta-feira, dia 05 de outubro de 2016, haja vista que a partir dessa data eles terão que fazer as suas operações no banco Bradesco, porém, apesar de ser uma novidade, para os correntistas do HSBC não é uma novidade que os pegou de surpresa, pois desde o começo do mês de setembro o Bradesco começou uma campanha de divulgação dessa mudança, na qual os clientes que possuem cartões de crédito e débito começaram a receber nas suas residências kits de boas vindas. Em muitos locais essa mudança já foi até efetivada, haja vista que não só as fachadas dos antigos bancos HSBC passaram a estampar a fachada do Bradesco, mas também os serviços de internet banking já foram habilitados e já estão operando com a nova interface.

Outro marco importante dessa mudança de instituição bancária será o dia 08 de outubro 2016, data em que os correntista do HSBC poderão de fato utilizar todas as funções disponíveis no pacote de serviço dos caixas eletrônicos.

Vale ressaltar que toda essa modificação será feita de forma gradativa, um exemplo disso é o fato de que os correntistas do HSBC que tiverem talões de cheque e cartões de crédito poderão continuar utilizando-os normalmente até o término do talão no caso de cheque, no entanto, no caso dos cartões de crédito os clientes devem providenciar a substituições destes até a data limite do dia 08 de outubro de 2016.

Para obter maiores esclarecimentos ou para retirar quaisquer dúvidas referente a este processo de transição os clientes podem ligar na Central de Boas-Vindas criada pelo Bradesco, cujo telefone é o 3003-5150 para as capitais e regiões metropolitanas e 0800-718-5150 para as demais localidades.

Por Adriano Oliveira





CONTINUE NAVEGANDO: