O Tribunal de Contas da União, TCU, divulgou um relatório no dia 30 de outubro, onde afirma ter encontrado irregularidades em 60% das obras do Governo Federal.

As obras analisadas são do ano de 2012. Segundo o TCU dos 200 empreendimentos do Governo Federal fiscalizados cerca de 124 apresentaram algum tipo de irregularidade.

A auditoria do tribunal avalia que o Governo possa ter perdido com irregularidades nas compras das obras um valor de R$ 2,5 bilhões.

O relatório do TCU é feito a partir das avaliações da Fiscobrás, que é um programa de Governo utilizado para controlar a fiscalização de obras públicas no país.

O relatório serve de base para a realização de restrições de repasses financeiros na execução da Lei Orçamentária do ano subsequente. Em seu relatório o TCU recomenda a paralisação de 22 das obras onde foram encontradas irregularidades.

As obras com maiores irregularidades em prejuízo financeiro segundo o relatório do TCU é a construção de tubulações para a condução de gás natural no Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro, sob responsabilidade da  Petrobras.

Por Matheus Camargo

Fonte:  Estadão





CONTINUE NAVEGANDO: