Como Economizar e Substituir a Carne nas Refeições



Confira aqui algumas dicas de proteína para substituir a carne e economizar nas refeições.

O consumo de proteínas é essencial para uma boa saúde e é importante que seja feito através da alimentação com produtos que contenham estes nutrientes de grande valia para saúde de um modo geral. Entretanto, diante das mudanças que tem acontecido nos tempos atuais com a alta de produtos que contenham proteína, como a carne, isso tem se tornado algo complicado para muitas pessoas e famílias.

Nos últimos tempos a alta em produtos como carnes vermelhas, frango e outros tem tornado muito difícil que estes produtos sejam parte da alimentação da maioria das pessoas. Mas, como são essenciais para uma saúde em dia, é preciso encontrar outras fontes de proteínas para garantir um prato mais saudável e que forneça os nutrientes necessários para o dia a dia.



No caso de algumas regiões, como o Pará, outro alimento muito comum no dia a dia das pessoas, como o açaí, também tem sofrido com aumentos. Isso também tornou ainda mais difícil o consumo de proteínas para muitas pessoas da região que levavam suas alimentações com base neste alimento rico em nutrientes e fibras.

Diante deste cenário, existem algumas alternativas que podem ser adotadas para suprir a falta das carnes no dia a dia. Falaremos a seguir a respeito de alguns alimentos que podem ser usado para superar estes momentos complicados.



A seguir falaremos a respeito de algumas opções muito ricas em proteínas que podem ser inseridas nas alimentações dos brasileiros e que podem transformar o dia a dia de muitos e garantir que mesmo diante de um momento de muitas restrições essas consigam garantir uma boa alimentação e permaneçam saudáveis e comendo os nutrientes necessários para isso.

Leia também:  Tarifa Branca de Energia - O Que é, Vale a Pena?

Ovos

Uma das melhores opções que se pode substituir a carne neste momento são os ovos. Ricos em proteínas e muito nutritivos, os ovos acabaram caindo muito no gosto dos brasileiros neste momento. Se este já era um alimento muito usado, agora se tornou essencial para suprir a necessidade de proteínas do corpo humano. Para conseguir as mesmas quantidades de proteínas e aminoácidos de um bife de 100gr é necessário consumir três ovos. A unidade atualmente está custando cerca de R$ 0,50, bem abaixo do valor da carne.

Soja

Outra opção de grande valor neste momento de crise é a soja, que se tornou aliada de muitas pessoas. Usada por muitos que não consomem carne, ela se tornou uma opção de grande valor e agora neste momento pode ser usada para conseguir obter a quantidade de proteínas necessária para o dia. Meio quilo de picadinho que atualmente custa R$ 15 pode ser substituído por um pacote de soja, que em média por ser encontrado por R$ 4 ou R$ 5.

Sardinha

Os peixes em geral são alimentos de alto valor nutricional e possuem muitas propriedades importantes para a boa saúde. A proteína é uma delas. A sardinha é um dos peixes mais baratos do mercado e pode substituir facilmente a carne por conter muitas proteínas. Cerca de 100g tem quase a mesma quantidade de proteína de uma picanha, por exemplo. Além do mais, a sardinha também é rica em vitamina D e conta com muito mais cálcio que o leite.

Congele alimentos

Quando os preços passarem por uma queda, é importante ter em mente que com um cenário instável isso pode voltar a ocorrer novamente e os preços poderão subir. Portanto, uma excelente dica para este momento é: durante os períodos de queda dos preços se puder gastar um pouco mais invista em produtos que vão além do seu consumo mensal ou semanal, para que estes sejam congelados. Assim, quando for necessário os produtos estarão armazenados para momentos de altas em seus valores e assim fica muito mais fácil de driblar a crise.

Leia também:  Pensão por Morte - Quem Tem Direito e Tempo de Recebimento

Como Economizar e Substituir a Carne nas Refeições

​​​​ Nayara Silva Guimarães

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *