Auxílio Emergencial 2021 – Pagamento para Nascidos em Abril



Caixa realiza depósito do Novo Auxílio Emergencial 2021 para os beneficiários nascidos em abril.

Foram muitas plenárias, projetos, convocações, reuniões, aprovações, mas, finalmente, o Governo Federal já começou a pôr em prática o que havia prometido! O novo auxílio emergencial 2021 para os milhões de brasileiros que estão vivendo em situação de vulnerabilidade social!

Não resta dúvida que o novo auxílio emergencial liberado neste ano de 2021 tem por objetivo amenizar a crise econômica que foi provocada pela pandemia do novo coronavírus. O que se sabe é que milhões de brasileiros estão sem renda, desempregados e em busca de alternativas que possam mitigar esta grave situação!



Pensando nisso, o Governo liberou parte dos pagamentos! Como assim? Nesta terça-feira, dia 13 de abril, a Caixa Econômica Federal realizou o pagamento do auxílio emergencial para todos os beneficiários que nasceram no mês de abril. O valor é de R$ 150, R$ 250 ou R$ 375, que depende do número de membros da família. Isso a maioria das pessoas já sabem e já aguardavam por este momento, concorda?

Já sabe o quantitativo de pessoas que serão beneficiadas com o novo auxílio emergencial 2021? Dá um total de 45,6 milhões de brasileiros que receberão as parcelas dessa nova rodada do auxílio emergencial. Para quem ainda não sabe, o calendário de pagamentos já foi divulgado desde o início do mês através do Governo Federal. É bom ficar atento!



Outro detalhe importante e que vale a pena destacar é que neste mês de abril já está sendo liberado os pagamentos para as pessoas inscritas no Cadastro Único de Programas Sociais do Governo Federal, o tal do CadÚnico. Isto para as pessoas nascidas neste mês de abril. E, como será a liberação? O recurso será depositado nas contas poupança digitais e já poderão ser movimentadas através do aplicativo Caixa Tem.

Leia também:  Dicas de Como Sair do Vermelho

E se você não quiser fazer a movimentação pelo aplicativo Caixa Tem, existe outra opção? Sim! Daqui a 2 ou no máximo 4 semanas após ter ocorrido o depósito, a sua primeira parcela do benefício poderá ser sacada em espécie ou até ser transferida para uma conta corrente. Gostou da ideia?

Então, você decide! Ou você movimenta pelo Caixa Tem ou você espera para sacar ou fazer a transferência, entendido?

Mas ainda tem muita gente em dúvida sobre alguns pontos relacionados ao novo auxílio emergencial 2021. Vem conosco conferir e tirar as suas dúvidas!

  • Não houve cadastro para receber o novo auxílio emergencial 2021;
  • O novo auxílio emergencial 2021 só será pago para as pessoas que receberam o benefício em 2020;
  • Para ter direito ao recebimento, é preciso cumprir todos os requisitos impostos pelo Governo Federal.

Requisitos para o recebimento do novo auxílio emergencial 2021

De acordo com as novas regras do auxílio emergencial 2021, quem tem direito a receber o benefício deve cumprir os seguintes requisitos:

  • Famílias com renda total de até 03 salários mínimos por mês que corresponde a R$ 3.300. No entanto, a renda per capita deve ser inferior a meio salário mínimo que é de R$ 550;
  • Fique atento! As pessoas que recebem o Bolsa Família terão direito ao benefício com um valor mais alto;
  • As pessoas que não têm emprego formal têm direito;
  • É preciso que resida aqui no Brasil;
  • É necessário ser maior que 18 anos;
  • As mães adolescentes também têm o direito desde que estejam dentro dos critérios de renda;
  • Os microempreendedores individuais estão inclusos no grupo.

Pessoas que não têm direito ao auxílio emergencial 2021

E já parou para pensar sobre quem não tem direito ao auxílio emergencial 2021? Aproveite para conhecer quem são eles!

  • Pessoas que são titular de benefício previdenciário;
  • Pessoas que recebem benefício assistencial;
  • Pessoas que estão recebendo seguro-desemprego;
  • Pessoas que participam de programa de transferência de renda.
Leia também:  Vale a pena solicitar um empréstimo?

E você … O que está esperando? Já recebeu o seu auxilio emergencial ou se inclui no grupo das pessoas que não têm direito ao benefício? Deixe seu comentário! Compartilha conosco!

Adriana Pinto da Silva

Please follow and like us:

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RSS
Follow by Email