Novas Regras do Bolsa Família 2021



Recentemente, o Governo Federal anunciou que novas regras para o programa foram criadas para este ano. Uma das grandes mudanças é que o benefício será pago por meio de uma Conta Poupança Social Digital da Caixa.

Já é de conhecimento de praticamente toda a população brasileira a existência do programa Bolsa Família, criado pelo governo federal no ano de 2003, durante a atuação do governo do ex-presidente, o pernambucano Luis Inácio Lula da Silva. No entanto, mais precisamente em 9 de janeiro de 2004 o projeto de lei número 10.836 foi oficialmente assinado pelo presidente atuante, o Lula, e desde então beneficia milhões de brasileiros que viviam na extrema pobreza.

Recentemente, o governo federal anunciou que novas regras para o programa foram criadas para este ano de 2021. Uma das grandes mudanças que merece destaque é a forma como o benefício será pago, pois beneficiários receberão todo o seu dinheiro através de uma Conta Poupança Social Digital da Caixa Econômica Federal. Além disso, poderão acompanhar saldos, extratos e demais movimentações da conta através do aplicativo Caixa Tem, aplicativo este, já conhecido por muitas pessoas que receberam o auxílio emergencial fornecido pelo governo como forma de amenização das necessidades durante a pandemia do novo coronavírus que todo o mundo enfrenta, desde o ano de 2019.



Segundo o governo federal, quem busca obter o benefício do Bolsa Família deve, inicialmente, realizar o registro no Cadastro único, em seguida, caso o cidadão cumpra os seguintes requisitos poderá se tornar mais um beneficiário do programa, confira a seguir as novas regras:

Primeiro requisito: se na sua família tiverem crianças com idade entre 6 e 17 anos, elas devem estar matriculadas em uma instituição de ensino e frequentar regularmente as aulas.

Leia também:  Apple - Ações da empresa sobem US$ 12 bilhões em um dia depois da vitória contra Samsung


Segundo requisito: é obrigatório que a família que possua membros com idade entre 6 e 15 anos, eles devem ter no mínimo 85% de frequência nas aulas.

Terceiro requisito: a família que possuir membros com idade entre 16 e 17 anos, deve estar ciente que eles devem possuir no mínimo 75% de frequência nas aulas.

Quarto requisito: crianças com idade inferior a 7 anos de idade, devem estar com o calendário de vacinas atualizado.

Quinto requisito: As mães de família de estiverem gestantes deverão comprovar que estão realizando o acompanhamento do pré-natal.

Além disso, cidadãos que já possuam o cadastro devem ficar atentos ao prazo de validação, pois a validade é de apenas dois anos, após esse período o castro do beneficiário não é renovado de forma automática, faz-se necessário que seja feito o recadastramento de acordo com o prazo estabelecido pelo governo federal. Por isso, fique atento e procure estar sempre bem informado, busque informações no CRAS (Centro de Referência em Assistência Social) da sua cidade e não corra o risco de perder o seu benefício.

Em relação ao novo valor que será pago pelo programa do Bolsa Família em 2021, o ministro da cidadania, Onyx Lorenzoni, informou em entrevista que o novo valor ainda será anunciado, provavelmente até o fim deste mês, no entanto, existe a possibilidade de que o novo valor gire em torno de 200 reais mensais para cada família.

Contudo, além do valor previsto as famílias ainda poderão receber alguns auxílios e/ou bonificações, são elas:

1º: Cada família receberá 52 reais por criança, a este benefício fora atribuído o nome de auxílio-creche.

2º: Cada família poderá receber 200 reais por estudante que obtiver um bom desempenho na escola.

Leia também:  Nova nota de 200 reais já era prevista pelos Simpsons em 2014

3º: Cada mãe de família beneficiária do programa Bolsa Família receberá 200 reais mensais, como auxílio creche.

4º: Alunos que obtiverem um significativo desempenho nas áreas de ciência e tecnologia, receberão um valor de 100 reais, mais um prêmio por ano no valor de 1.000 reais.

5º Alunos que obtiverem destaque na área esportiva também receberão 100 reais mensais e um valor de 1.000 reais anualmente.

Fique atento às mudanças e aos prazos estabelecidos pelo governo federal e compartilhe essas informações com seus amigos.

Por Jayane Rafaelly Souza Silva

Bolsa família

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *