Prorrogação das Dívidas em Bancos pelo Coronavírus





Conselho Monetário Nacional libera bancos a negociar prestações com seus clientes.

Por conta da epidemia mundial do Covid-19, o novo Coravirus, o CMN – Conselho Monetário Nacional deu a liberdade a bancos como Banco do Brasil, Santander, Caixa, Bradesco e Itaú a realizar uma negociação com seus clientes, de duas prestações, para os próximos 60 dias com o intuito de dar um folego nas finanças tanto de médios e pequenos empresários, quanto de trabalhadores.

Está valendo para financiamento de automóveis, imóveis, bem como de outras dívidas junto aos bancos, mas não vale para contas de consumo, cartão de crédito ou o tão temido cheque especial.




O que a maioria dos bancos está pedindo é que as prestações destas contas estejam em dia, a não ser a Caixa, que está pausando o pagamento com até duas parcelas em atraso, valendo para contratos de imóveis tanto para pessoa jurídica ou física, mas apenas para quem não utiliza o FGTS para o pagamento de suas mensalidades.

O melhor de tudo é que durante a interrupção dos pagamentos não haverá cobrança de multa e a mesma taxa será mantida, decisão de todos os bancos. Outro ponto também importante de ressaltar é que as prestações irão direto para o final do contrato, não ficando em atraso, junto com as dos outros meses.


O indicado é que não se vá pessoalmente as agências e que esse pedido seja realizado através da central de atendimento telefônico ou o internet banking, via computador ou aplicativo de celular.

Depois que o Banco Central fez a liberação de R$ 56 bilhões, os bancos foram obrigados a deixar separados e realizar um aumento de suas linhas de crédito sem um custo a mais para eles mesmos. Mas é preciso ficar atento e checar todas as informações junto aos bancos, já que alguns clientes já relataram que não estão tendo o benefício ou mesmo as informações de como prorrogar as dívidas. Há também quem disse que teve o pedido negado ou até mesmo cobrança indevida de juros ao solicitar mais tempo no parcelamento.

Onde solicitar a prorrogação das dívidas:

Banco do Brasil

O correntista deve entrar em contato com a sua agência por meio dos canais de atendimento eletrônicos ou direto com o seu gerente.

Santander

O Banco Santander agora tem um site exclusivo somente para os clientes que precisam pedir o prorrogamento das suas dívidas, também chamado de hotsite, de acordo com o CMN – Conselho Monetário Nacional. Em relação a quem possui o cartão de crédito do Santander, o banco aumentou em 10% o limite para todos os seus clientes que estavam com esta conta em dia.

Caixa

Quem irá negociar prestações de imóveis deve entrar em contato com a Caixa via o Aplicativo Habitação Caixa, lembrando que é preciso realizar a atualização do app para a versão mais recente, pela loja de aplicativos. Mas também há outros canais para este tipo de contrato e outros, mas apenas para clientes Pessoa Física: via Whatsapp pelo número 08007268068 ou ainda pelos números 3004-1105 para quem está nas capitais ou 08007260505 para quem reside em outras cidades, clicando na opção 7 ao falar com a URA (gravação), dentro do horário das 8h às 20h, de segunda a sexta-feira.

Bradesco

Já o Banco Bradesco não da muitos detalhes, mas informou em nota que irá prorrogar por 60 dias as dívidas dos seus clientes que estão em dia com seus débitos. Para isso, o cliente deve entrar em contato pelos seus canais eletrônicos, seja via internet banking pelo celular ou computador, pela central de atendimento, via telefone ou até mesmo em contato com o gerente de sua conta.

Itaú

O Banco Itaú conta com diversos canais para atendimento, seja a sua central, via telefone ou os digitais, tais como Itaú na Internet, App Itaú, Itaú Empresas e App Light. Desta forma, os clientes do banco terão acesso de forma remota a todos os serviços financeiros oferecidos pelo banco.

Kika Akita



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *