Cartão de Crédito Bari – Limite de R$ 1 milhão





O banco Bari oferece um cartão de crédito com limite de R$ 1 milhão no Brasil.

Um produto inédito de crédito financeiro foi lançado recentemente no Brasil. Trata-se de um cartão de crédito que oferece o limite de 1 milhão de reais, que foi lançado pelo banco Bari, o antigo Barigui.

Para liberação do crédito o cartão utiliza o imóvel como garantia em troca oferece taxas de juros mais baixas que as já oferecidas pelo mercado hoje em dia. Conhecido como home equity esse tipo de empréstimo, que tem um imóvel como lastro. Segundo o banco Bari, o setor ainda é pequeno no Brasil, no entanto, são otimistas com as perspectivas do mercado. De acordo com o Bari, o crédito pode ser usado para quitar outras dividas altas com juros maiores, por exemplo.




No primeiro momento, o cartão com limite de até 1 milhão de reais será oferecido nas regiões onde já existe operações Bari, que são as regiões Centro Oeste, Sudeste e Sul do Brasil. Segundo o banco, as pessoas jurídicas e físicas que são dessas regiões já podem solicitar o cartão. O banco Bari disse que pretendem expandir para outras regiões do Brasil, mas não disse em qual prazo.

Como pode ser feita a solicitação do cartão com limite de R$ 1 milhão

A solicitação do cartão pode ser feita por qualquer pessoa que seja proprietária de um imóvel, que terá o limite de crédito conforme o valor do bem. De acordo com o Banco Bari, a garantia do imóvel viabilizou a criação do cartão de crédito, que tem o maior limite do mercado. O limite pode chegar a um milhão de reais, que é limitado o crédito em 50% do valor do imóvel.


Como exemplo, caso o cliente coloca um imóvel avaliado em 2 milhões de reais ou mais, poderá ter um crédito para gastar na fatura do cartão em até 1 milhão de reais.

O imóvel a ser dado como garantia pode ser em nome da empresa, como conjuntos comerciais, salas comerciais, bem como imóveis de um ou outro sócio ou outra pessoa envolvida. No caso, o Bari não aceita como garantia os imóveis industriais, como os galpões e fábricas.

A solicitação do cartão Bari, que será na bandeira Elo, está sendo feita pela internet diretamente no site do banco. As emissões dos primeiros cartões que foram solicitados começam no próximo mês de setembro de 2019.

Taxas de juros mais baixas do mercado

Em nota, a empresa disse que o cliente poderá sacar 90% do limite em dinheiro ao contratar a operação de crédito. O parcelamento poderá ser realizado em 120 vezes (10 anos) e com taxas de juros baixas, segundo o Bari. Para o valor do parcelamento de até R$30.000 a taxa de juros será de R$ 1,99% ao mês, o que equivale a 26% ao ano. Já para valores de parcelamentos maiores, para quitar a divida, o cliente poderá utilizar, dentro do limite de crédito disponível, o home equity, na qual utiliza o mesmo imóvel como garantia e tem taxa de 1,09% mais o IPCA, que varia conforme o tipo do imóvel.

Para fazer uma comparação, os juros médios que são cobrados, segundo o Banco Central, em parcelamentos no cartão de crédito da pessoa física no Brasil gira em torno de 8,8% ao mês e e 174,1% no período de um ano. Já o empréstimo comum cobra uma taxa de 6,8% ao mês e 120,1% ao ano.

A concessão de crédito com garantia traz o benefícios de juros mais baixos, já que os empréstimos são lastreados em um bem que, caso a divida não seja honrada ou cliente fique inadimplente, o imóvel é passado automaticamente para o banco. Com isso o banco tem risco de perda bem menor do que os empréstimos com garantias convencionais.

Por Adoniran Peres

Cartão de crédito Bari

Compartilhar:


Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *