Fim do Horário de Verão 2016/2017 – O Que Fazer no Relógio e Ver Hora Certa



  

Saiba aqui o que fazer com o relógio com o Fim do Horário de Verão 2016/2017 e confira a hora certa.

O horário de verão irá terminar na meia noite do domingo (19/02). Neste dia, deve-se atrasar o relógio uma hora nas regiões Sudeste, Centro-Oeste, Sul e também no Distrito Federal.

Caso tenha dúvidas na hora de alterar as horas, é possível ligar no número 130 para conferir a hora certa. Na internet, basta pesquisar pelo horário de Brasília ou acessar o site http://www.horariodebrasilia.org/.

O horário de verão foi uma prática implantada primeiramente em 1895 na Alemanha e na Áustria-Hungria. Consiste em adiantar uma hora do relógio durante o verão, fazendo assim com que a luz do sol possa ser aproveitada também no início da noite. Por este motivo, nas regiões em que no verão o período do dia se torna mais longo e o período da noite se torna mais curto, que geralmente são as regiões mais próximas da linha do Equador, o horário de verão se torna extremamente funcional para a economia de energia, reduzindo o consumo causado por lâmpadas e aparelhos que trazem iluminação.

Além disso, é apontado que o único benefício não é apenas a economia de energia, mas também o fato de que diminui consideravelmente a criminalidade nos horários de saída do trabalho.





No entanto, o horário faz com que as pessoas durmam antes e acabem por acordar mais cedo, o que pode trazer sonolência durante o dia e problemas para dormir. As pessoas que mais sentem as consequências devido as mudanças do horário são crianças, idosos e aqueles que mantêm hábitos noturnos.

É importante ressaltar que, devido ao término do horário, os metrôs de São Paulo irão funcionar uma hora a mais. Ou seja, será possível utilizar o metrô até uma hora da manhã do horário novo ou duas horas da manhã do horário antigo. A CPTM também irá funcionar uma hora a mais. As linhas 5-lilás e 15-prata, no entanto, ficarão abertas até às 0h do novo horário.

Ainda não foi divulgado um balanço sobre o quanto de energia foi economizada neste horário de verão. A estimativa era de R$ 147,5 milhões. A empresa Eletropaulo, responsável por 24 cidades do estado de São Paulo, calculou que seus clientes economizaram cerca de 80,8 GW/h, enquanto a Copel do Paraná aponta diminuição de 4,5% do consumo de energia.

Isabela Palazzo



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *