IPTU em São Paulo 2014 – Certidão de Tributos Imobiliários



  

No site da Prefeitura de São Paulo, os colaboradores do IPTU podem consultar as certidões dos tributos que se referem ao imóvel. É possível fazer não apenas a consulta das certidões negativas, como também dos dados cadastrais. Conheça os principais serviços:

  • Certidão Negativa de Débitos de Tributos Imobiliários: Com essa opção os contribuintes podem emitir e confirmar a autenticidade das certidões do IPTU, taxas de conservação pública, índices da limpeza pública, entre outros serviços que se referem ao destino do imposto.
  • Certidão Negativa de Débitos de Tributos Mobiliários: Com essa opção as pessoas podem comprovar de modo oficial como se encontra a regularidade no que tange aos recolhimentos do TRSS, TFE, TFA e ISS.
  • Certidão de Dados Cadastrais do Imóvel (Valor Venal): Além de emitir, os contribuintes também podem autentificar os dados cadastrais dos imóveis, basta colocar o número do cadastro que se encontra no boleto de pagamento e fazer a consulta. Também existe o informe da base de cálculo sobre a cobrança do IPTU.
  • Certidão de Rol Nominal: É possível requerer, emitir e fazer a confirmação da autenticação que se refere à pessoa jurídica ou física no Rol Nominal.
  • Certidão de Informações de Tributos Imobiliários: É possível confirmar e realizar a emissão do número de cadastro para confirmar informações da certidão e dos dados de lançamento do IPTU. As ações podem ser do ano vigente ou dos períodos anuais posteriores.
  • Certidão de Recolhimento da Taxa do Lixo: Com essa opção os contribuintes emitem certidão não apenas da TRSD, como também sobre a TRSS. Na lista do sistema há o quadro completo de pagamentos, desde o ano de 2010.
  • Outras Certidões de Tributos Mobiliários: Com essa opção os contribuintes podem requerer certidões do quadro geral dos tributos imobiliários que são emitidos via Secretaria Municipal de Finanças.

Clique aqui e conheça maiores informações sobre as certidões dos tributos imobiliários.





Por Renato Duarte Plantier



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *