Governo – compromisso em reduzir custo de energia em 2013



  

A presidenta Dilma Rousseff voltou a afirmar, durante cerimônia oficial de inauguração de hidroelétrica em Estreito-MA, o compromisso do governo em reduz as tarifas de energia elétrica no país em 2013. A questão esta polêmica frente as declarações de 14 empresas de energia, atualmente concessionárias para a distribuição e produção, em não renovar seus contratos de concessão junto ao Governo Federal nos novos moldes propostos.

Em seu discurso a presidenta lembrou que hoje praticamente todos os brasileiros têm acesso a energia elétrica. Além disso, Dilma afirmou que os custos da universalização do sistema de distribuição de energia foram arcados pelo estado com a taxação de impostos sobre a energia elétrica e agora ocorre um retorno à sociedade com o barateamento da energia elétrica.

O novo marco regulatório do setor foi desenvolvido pela própria presidenta Dilma Rousseff, na época ministra de Minas e Energia, no segundo governo Lula. No pronunciamento tradicional da Presidência da Republica, na véspera do 7 de setembro, Dilma anunciou publicamente que o governo irá fazer um esforço de redução de impostos para baratear o custo da energia elétrica para consumidores residências e empresas a partir de 2013.





Dilma afirmou ainda na cerimônia: "Fizemos um grande esforço para estabilizar o setor elétrico no Brasil, para que não haja racionamento, para que as melhores práticas de segurança sejam implantadas".

Por Matheus Camargo



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *