IBC-Br – Dados de junho de 2012



  
IBC-Br cresceu 0,75% em junho

O IBC-Br (Índice de Atividade Econômica do Banco Central), considerado como um sinalizador do PIB brasileiro, alavancou 0,75% no mês de junho deste ano ante maio. Segundo a Reuters, o mercado esperava um avanço de 0,70%.

Com isso, a sinalização é de que a economia brasileira cresceu mais do que o esperado no mês analisado, indicando que a atividade já estava dando sinais de recuperação.

Essa foi a maior variação mensal desde março de 2011, quando o crescimento apresentou 1,47%.

Influenciado pelo resultado de junho, o 2º tri fechou em alta de 0,38% em comparação ao 1º tri.





O IBC-Br engloba as estimativas para a produção nos setores básicos da economia, que são: indústria, serviços e agropecuária.

Portanto, o governo vem realizando várias medidas para estimular a economia, que foi afetada pela crise mundial. E os resultados estão surgindo, como os bons números das vendas no varejo, que registraram alta de 1,5% em junho ante maio, e a criação de 142.496 postos de trabalho formal em julho.

Porém, as expectativas ficam em torno da próxima reunião do Copom (nos dias 28 e 29 deste mês), onde a taxa básica de juros poderá ser reduzida em 0,50 ponto percentual, marcando uma nova mínima histórica de 7,50%, continuando com suas medidas de incentivo à economia brasileira.



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *