IGP-M – 1ª prévia de agosto de 2012



  
IGP-M registrou alta de 1,21% na 1ª prévia de agosto

Segundo a FGV, a primeira prévia de agosto do IGP-M (Índice Geral de Preços – Mercado) foi a mais elevada desde a primeira leitura de junho de 2010 (2,21%), com a alta de 1,21%.

A alta nos preços das matérias-primas brutas no atacado, de 1,41% para 3,63%, fortaleceu a inflação atacadista, que foi de 1,25% para 1,73% de julho para agosto, na primeira análise do IGP-M. O atacado corresponde a 60% do total do índice.

As commodities agrícolas foram os grandes destaques entre as matérias-primas brutas no atacado. As altas dos preços do milho em grão (de -0,42% para 18,05%) e da soja em grão (de 9% para 9,93%) foram essenciais para a taxa mais elevada de preços. Esses produtos sofrem com os problemas climáticos, que prejudicaram as safras no início do ano, refletindo na menor oferta no mercado doméstico.





Além disso, o que ajudou a elevar a inflação no atacado foi o impacto do segundo reajuste no valor do diesel, pois em consequência disso o preço do produto saiu da alta de 3,94% para 6% na primeira prévia de julho, sendo a mesma na prévia vista em agosto.

Porém, o IGP-M do mês total de agosto não deverá ser tão alto quanto o de julho (que aumentou 1,34%), pois o mês passado teve o impacto do reajuste do preço da gasolina, fator que não irá influenciar o resultado do índice em agosto.



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *