IPC-S – 4ª prévia de julho de 2012



  
IPC-S: 4ª prévia de julho desacelerou ante a 3ª prévia

Na 4ª quadrissemana de julho, correspondendo ao fechamento do mês, o IPC-S (Índice de Preços ao Consumidor Semanal) apresentou alta de 0,22%, segundo a FGV. Isso representa uma desaceleração em relação a 3ª quadrissemana de julho, quando foi registrada a alta de 0,28%. Porém, se comparado a junho, que registrou alta de 0,11%, ocorreu uma aceleração nos preços no mês passado.

No acumulado anual, o IPC-S apresenta alta de 3,06% e de 5,65% nos últimos 12 meses.

Dos 8 grupos que compõem o indicador, 5 desaceleraram a alta de preços em relação a 3ª quadrissemana de julho, ficando o destaque para ao grupo Alimentação, com 1,02%. No item “carnes bovinas” a variação passou de -0,39% para -0,77%.

Também apresentaram decréscimo os grupos: Vestuário (-0,73% para -0,88%), Transportes (-0,41% para -0,49%), Educação, Leitura e Recreação (0,35% para 0,27%) e Saúde e Cuidados Pessoais (0,27% para 0,23%).





Já, os grupos que registraram acréscimo nas taxas de variação, foram: Despesas Diversas (0,41% para 0,42%) e Comunicação (0,19% para 0,28%). O grupo Habitação apresentou a mesma taxa vista na última apuração, de 0,18%.

O IPCA-15 também voltou a mostrar uma aceleração, subindo 0,33% em julho ante 0,18% visto em junho.

Neste contexto, analistas afirmam que isso não deve modificar a política do Bacen de reduzir a taxa básica de juros com a meta de estimular a economia. Atualmente, a Selic está em 8%.



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *