Operação Pacenas (PF) já prende 11 por fraude no PAC



  

A Operação Pacenas atinge o número de 11 presos por suspeita de fraudes em licitações do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) no Mato Grosso. A operação visa desmontar um grupo de pessoas suspeitas em adquirir benefícios com processos licitatórios do PAC. Como por exemplo: preços que extrapolavam os do mercado, objetos isentos de parcelamento, dentre vários outros.





As investigações deram início em 2007, após denúncias do Tribunal de Contas da União (TCU) e do Ministério Público da União e do Estado.

Além do Mato Grosso, a ação protagonizada pela Polícia Federal também cumprirá 22 mandados de busca e apreensão em Cuiabá, cinco em São Paulo, três em Goiânia e um no Distrito Federal.

Estima-se que a fraude tenha levado dos cofres do governo cerca de R$ 200 milhões.



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *